Vestidos de verão

 

Foto: The Sartorialist

Com o verão chegando, a gente tem que mudar todo o guarda-roupa né? Joga pra cima (ou por fundo) as roupas de inverno e dá espaço para as peças leves, coloridas ou nudes do verão.

Uma peça (ou várias!) que não pode faltar é o vestido. Seja ele curto ou até os pés, colorido ou discreto, liso ou estampado, com uma modelagem incrível ou mais simples pra ser usado com acessórios que modernizam. O importante é investir muito nessa peça, pois:

  1. Uma mulher fica muuuuito mais feminina dentro de um vestido!
  2. É mais fresco, não te faz passar tanto calor!
  3. É a oportunidade quase única, se você mora no Sul ou em São Paulo de se sentir mais solta, mais livre, pois é, geralmente uma peça mais leve.

O bom do vestido é que ele é bem democrático. Existe vestido para praticamente todas as situações: passeio, festa informal, balada, festa mais elegante, mais formal. Para as que estão acima do peso tem vestidos com cortes que valorizam melhor o corpo e disfarçam os “volumes indesejáveis”. Para as que passaram o ano todo dentro da academia (ou que nasceram sortudas mesmo) também podem usar os vestidos mais adequados (para não ficar vulgar).

 

 

Os longos são perfeitos para a temporada, principalmente se você não tá com as pernocas malhadas e com o corpo tão em dia quanto gostaria. Super femininos e confortáveis, só têm que tomar cuidado com algumas modelagens as baixinhas, pois pode acabar “achatando o corpo”.

 

Os curtos e consequentemente mais sexys fazem a cabeça da mulherada, por serem mais curtinhos e leves, porém muito cuidado se você não malhou o ano inteiro ou não nasceu tão sortuda assim e têm as pernas um pouco “gordinhas”.

Tem vestido para todo mundo, portanto não há justificativa pra passar calor no verão gente! Lojas como C&A, Renner, Riachuelo, Zara tem modelos incríveis por rpeços super bons. Vale muito à pena investir em vários pra curtir bem seu verão, com conforto, sem ficar derretendo dentro de roupas pesadas! Até porque dá pra fazer combinações bem legais, olha que legal:

Betty - Le blog de Betty

 

 

 

Tem que conhecer: Galeria Lúdica e MBL

Galeria Lúdica e Mega Bazar Lúdica: Imperdível e impossível não conhecer

Se você é de Curitiba, ou está visitando a cidade não pode deixar de conhecer a Galeria Lúdica, que fica localizada na Rua Inácio Lustoza, no bairro São Francisco.

Tudo começou em 2005 com o conceito da galeria pelas idéias da Débora Mello que logo montou uma super equipe. Em 2007 aconteceu o primeiro Mega Bazar Lúdica lá na Casa Vermelha, no largo da Ordem, esse evento conta com diversos trabalhos de novos profissionais de design, moda, fotografia e música, além é claro de promover a própria Galeria Lúdica.Todos os produtos da Galeria são selecionados cuidadosamente pela equipe e conta com trabalhos MUITO legais de diversos profissionais bacanas.

Nos dias 11, 12 e 13 de dezembro na tradicional Casa Vermelha do Largo da Ordem acontece mais uma edição do Mega Bazar Lúdica. No site ainda não tem informações a respeito dos expositores, mas é bom ficar de olho, porque o evento é imperdível!

Para mais informações acesse o site: http://www.galerialudica.com.br

Futuro do presente e as tendências de moda – parte II

Como já vimos no post anterior, o foco para um eficiente estudo sobre tendências, não só do projeto em questão, é comportamental. Uma boa análise comportamental, dentro do projeto Futuro do presente, parte de alguns segmentos: macrotendências, comportamento, tecnologias e setores de referência. Dentro dos setores de referência, são estudados meios de comunicação de moda, estratégias de marketing de grandes empresas, opinião pública e inovações de produtos feitas pelos próprios consumidores. Dados traduzidos em reportagens, textos, fotografias e ilustrações, por exemplo, são arquivados e posteriormente filtrados, para uma análise mais específica e organizada desses “sinais” por parte dos pesquisadores de tendências. Para maior facilidade de interpretação são construídos painéis de conceito, reunindo imagens, palavras e cores que conversem entre si. Após sucessivas análises, filtragem de dados e organização, os painéis são divulgados no website Futuro do Presente. Que tal dar uma olhada no painel conceitual de 2009/2010?

Para os profissionais envolvidos no projeto, o estudo diário de todos esse meios e o conhecimento do público-alvo estimulam a criação de novas propostas focadas no consumidor que se deseja atingir. A intenção é, cada vez mais, fornecer informação para micro e pequenas empresas ressaltando a importância de compreender todo o mecanismo social e envolvê-lo no processo de criação. Todo esse estudo teórico embasa criações cada vez mais inovadoras e com personalidade, e isso é o que o consumidor de moda atual, cada vez mais bem informado, procura. Conheça mais o projeto no site.

O mínimo

Os que, como eu, são amantes do minimalismo não podem deixar de ver a coleção da Calvin Klein para o verão 2010. Muito branco, nude, cinza e um toque de preto. A modelagem também é simples, e calças justíssimas caminham ao lado de modelos boyfriend. O melhor de tudo? Os jeans acid suuuper lavados!

 

 

Semana do catálogo no MON

Quem gosta de estudar arte não pode deixar de visitar a semana do catálogo do Museu Oscar Niemeyer. Durante essa semana, um ponto-de-venda em frente a bilheteria do MON vende os catálogos das exposições já realizadas pelo museu por preços muito amigos: a partir de $5. A semana do catálogo começa amanhã, terça-feira, dia 17 de novembro, e vai até domingo, dia 22; com  horário de funcionamento das 10 às 19hs. Dica: Corra para o museu! Devido ao preço baixo os títulos mais procurados acabam bem rápido.

Futuro do presente e as tendências de moda – parte I

Pensei bastante no meu primeiro post aqui no Saia e Salto Alto e achei que antes de falar do lado comercial da coisa um pouco de teoria de moda é sempre bom! Por isso, vim dividir com vocês o Projeto Futuro do Presente, um projeto que conheci a pouco tempo e que estuda e organiza as tão faladas tendências. Espero que gostem!

As tendências, ao contrário do que se pensa, não são impostas ao consumidor. Elas são um reflexo do público em um determinado tempo e espaço, ou seja, dependem de fatores comportamentais, políticos, sociais e econômicos de uma época. A análise desses fatores para um agrupamento de conceitos em tendência é importante para a identificação do consumidor com um objeto de design projetado, por exemplo. Procura-se traduzir o espírito e anseios pessoais do público alvo para a criação, pois, dessa forma, o produto terá maior chance de ser aceito.

sapato_bicolorTratando de forma específica do sistema da moda, percebemos que ela faz parte cada vez mais da identidade dos indivíduos, sendo vista com forma de comunicação e meio de renovação, não apenas estética, mas também psicológica. A moda desperta desejos, e são esses desejos que os pesquisadores de tendências procuram prever para direcionar as criações e levar até o consumidor um produto com o qual ele se identifique. O Projeto Futuro de Presente tem como principal objetivo o estudo desses comportamentos para transformá-los em conceitos de fácil leitura, através de painéis como o painel de atualidades que documenta fatos ocorridos dentro de um período de 10 anos.

Para um trabalho bem sucedido nesse sentido a análise social é de extrema importância, e essa constatação pode ser comprovada com a influência cada vez maior da moda de rua no processo de criação. Com o advento da internet e do crescente número de blogs de moda de rua, fica mais fácil mapear o que e como os consumidores estão usando hoje para projetar uma possível moda dos próximos anos. Afinal uma tendência só vira, de fato, moda se o público identificar-se com ela.

A foto é do site de moda de rua Aesthetic. Como já foi dito, blogs de street style são um importante meio de pesquisa de tendências atualmente.

A matéria continua no próximo sábado. No segundo post, entenda de que forma todas essas informações são “digeridas” pelo Projeto Futuro do Presente.

Estilo: Navy

A palavra navy, em inglês, significa marinha. O termo é utilizado na moda para se referir à peças inspiradas em uniformes de marinheiros com suas formas e cores. Quando falamos em navy a famosa gola quadrada nas costas e em V na parte da frente, bem como as listras em vermelho, azul marinho e branco já nos vem à cabeça. Diversos estilistas já visitaram o universo náutico apresentando inúmeras propostas que remetem aos marinheiros, algumas delas muito atuais e com referências nada óbvias. Estamparia com âncoras e outros elementos de navios também tem sido utilizadas. (Ivy Lemes)

Ela é consultora em administração e é minha professora de Administração em Relações Públicas e é super estilosa. Ela é Angela de Fatima Bosio.

Sempre muito elegante, já chamou minha atenção na primeira aula que tive com ela com um look super ousado (no sentido de diferente, não vulgar ein gente!) e bem coordenado. Essa semana, ela apareceu com esse look da foto, bem navy mesmo!

Angela

Na cartela de cores: azul marinho, vermelho e branco. No blazer listrado branco+azul, na calça jeans e na blusa azul marinho e no cinto e nas sapatilhas: vermelho. Os óculos e o colar também são azuis, mas num tom mais claro.

ESTILO: Angela afirma que não tem nenhum estilo padrão, ela simplesmente gosta de comprar roupas bonitas, sejam elas caras ou baratas. Também disse que adora garimpar em brechós.

INSPIRAÇÃO: Nenhuma no momento, mas confessou que quando criança adorava a forma como sua avó se vestia.

ESTILISTA/MARCA PREFERIDA: Nenhum. Somente compra a rupa se lhe agradar, independente da marca.

Foto por Anne Raysa.

Navy Inspiration:

bettynavy

Betty - Le Blog de Betty

navylookbook

Alodia, T - Rachel, K - Bobonia.a, N